Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Devaneios de Miss L

27
Fev21

COMO BOMBAR || INSTAGRAM


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Manhã, Café da Manhã, Saudável, Minimalista, Telefone, Cama

 

Uma coisa muito importante  é que deves responder e mandar DM. Isto serve para criares uma rede de contactos para serem os primeiros a colocarem like e comentários nas tuas fotografias.

          Mostra que existes. Como o fazes? Simples, coloca like nos comentários das fotografias que gostas e que pertencem ao teu nicho.

          Usa e abusa dos Stories, mas não exageres para não cansares. Simplesmente mostra que estás aí. Coloca algo de duas em duas horas.

          Mostra-te activo. Participa, mas claro, tem cuidado com as novas regras do Instagram. Corres o risco de ser bloqueado e é chato. No meu caso, no prazo duma semana, fui três vezes. Não faz sentido, o Instagram era a melhor rede social que havia e a minha conta é comercial. Agora, estou a colocar vinte likes de hora a hora. Veremos. Vou ter de comentar mais.

          Vai as hastags do teu nicho e põe like e comentários nos mais recentes e que tenham menos de três horas para teres mais hipóteses de seres correspondido.

          Comenta com entusiasmo para te destacares. Exemplos: “Mano do Céu, és mesmo uma diva! (vários emojis)".

          Não coloques em tempo algum a conta em privado e muda para comercial para teres acesso às estatísticas e trabalhares sobre elas.

          Faz uma bio bonita, que chame a atenção. Relaciona-a com o teu nicho. Coloca o teu like. Mostra a tua alma.

          Coloca a tua melhor fotografia de perfil. É a primeira coisa a ser vista.

          Coloca fotografia todos os dias, de qualidade, e mostra que estás lá.

          Não vais ter sucesso dum dia para o outro, mas se trabalhares estes itens que te dei e os do meu Blog, terás bastante sucesso e seguidores activos. Não é isso que todos queremos?

Beijokitaz

26
Fev21

CARTA PARA SUSU || TEXTO PESSOAL


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Carta, Menina, Leitura, Pintura, Desenho Animado, Preto e Branco

Eu ainda não sei lidar com esta situação. O Carlos morreu, mas ele não morreu de qualquer maneira. Ele suicidou-se. Ele deixou uma carta para Susu que ninguém abriu, porque ninguém sabe quem é o Susu. Vou começar a falar um pouco de Carlos e quem sou eu.

          Eu sou a Marisa, vivia com o Carlos há uns seis meses. No dia que nos mudamos, a Mãe dele abraçou-se e disse que sabia que era só uma fase. Não entendi. Carlos sorriu e fez-me olhar de “Depois conto-te.”. Basicamente, a Mãe achava que Carlos já não gostava de meninos e que eramos um casal.

          Na verdade, somos Amigos e fomos morar juntos para dividir as despesas. Carlos era… porquê que fizeste isto?! Carlos era uma pessoa incrível, alegre, sonhadora, cheia de projectos e agora… Agora está morto. Teve uma overdose de medicamentos. Eu vou fazer uma coisa que não deveria fazer, mas eu tenho de entender o Carlos. Quem será Susu?! Procuramos na lista do telemóvel dele e nada com esse nome. A carta ficou cá no apartamento no quarto fechado dele.

          Entrei. Olhei para a fotografia dele. Chorei. Peguei na carta em cima da mesa-de-cabeceira dele e abri. Sinto-me tão mal a fazer isto. Não é para mim. Sinto tantas saudades dele. Ele cozinhava tão bem que me aconchegava o coração. A data é de dois dias antes da sua morte.

Querido Susu:

          Eu não aguento mais. Todos esperam tudo de mim. Até a Marisa, indirectamente espera. Ela espera tanto que eu cozinhe ao Domingo. Habituei-a mal. A culpa é minha. Ela espera que eu esteja sempre lá. Isso é sufocante. A minha Mãe não aceita que goste de rapazes. Ela sonha que eu tenha Filhos com a Marisa. Ela disse que já está na altura de ser Avó, pois hoje em dia não é preciso casar para ter Filhos. Porquê? Porquê, Mãe? Porquê, todo o mundo?!

          Eu não aguento mais. Tu sabes tudo que tenho passado. Passamos todas as noites. Falávamos. Sinto cada vez mais vontade de falar contigo. Sempre que posso falo tanto contigo. És o único que entende. Posso dizer que te amo. Amo-te muito, sabias? Cada vez mais. Quero estar contigo. Vou estar contigo. A Marisa diz que sou uma pessoa cheia de objectivos. Neste momento, o meu objectivo és tu. O meu objectivo é estar contigo.

          Eu não aguento mais. Tudo tem de ser padrãozinho. É por isso que gosto da Marisa, ela não liga nada a rótulos. Quando lhe contei que gostava de rapazes, ela não me abraçou, como tanta gente faz, e gritou que sempre quis ter um Amigo gay. Não, ela não fez isso. A Marisa sorriu e exclamou que, sendo assim, poderíamos trocar contatinhos. Gostei dela de imediato. Desse momento a irmos morar juntos, foi um passo.

          Eu não aguento mais. A minha Mãe viu no jornal que uma discoteca gay foi ataca e disse “Ainda bem que não és um deles. Eles acabam sempre mortos.”. Inventei uma desculpa e voltei para o apartamento. Fui para banho e deixei de contar o choro. A minha Mãe disse que por gostar de rapazes acabarei morto. A minha própria Mãe não aceita quem sou.

          Eu não aguento mais. Susu, fica comigo. Susu, leva-me contigo. Susu, vamos ser felizes juntos. Susu, vamos esquecer o Mundo todo. Susu, deixa que tudo fique feliz.

Meu querido Susu,

 meu querido Suicídio, eu amo-te.

 Irei estar contigo muito em breve…

 

Um abraço tão forte,

Carlos Almeida

Beijokitaz

25
Fev21

COMO SER UMA BLOGGER? || MISS L


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Home Office, Workstation, Macbook Air, Notebook, Office

 

          Não basta ter um Blog para se ser Blogger. Isso é básico. Até porque é uma profissão séria como qualquer outra e isso é um facto. Para se ser Blogger é preciso preencher alguns requisitos e não vale a pena nega-lo.

          Um Blogger não pode dar erros, pelos menos, deve evita-los ao máximo. Como se evitam os erros ortográficos?, perguntarão vocês. Básico, basta ler. Ler muito. Não importa o que se lê, mas sim ler. Toda a gente gosta de ler, alguns não encontraram o seu género. Só escreve bem quem quer hoje em dia.

          Redes Sociais. Sim, são importantes. Aquelas que te sentes à-vontade para te divulgares. Eu, por exemplo, não tenho o Twitter, pois nunca tive essa necessidade. Não tenho Snapchat, porque nunca o entendi, achei uma perda de tempo e apaguei o aplicativo. 

          Estudar e trabalhar bem no artigo que vais fazer. Outro ponto bastante óbvio. Tens de dar uma boa imagem aos teus leitores. Escrever algo que sabes e tens segurança nisso para teres credibilidade. Eu por exemplo, tenho a agenda aqui ao lado com todos os tópicos que reuni ontem. 

          Inspiraste-te é diferente de plagiar. Devemos citar as fontes. Até porque se plagias uma vez, o teu trabalho perde logo o valor.

          Outro ponto crucial é criar amor. Uma rede de trabalho. Pessoas que gostem do trabalho. Há-de haver alguém que se identifique.

          MUITO IMPORTANTE: Ter muita, mas mesmo muita paciência. As coisas não aparecem dum dia para o outro. Por vezes, nem dum ano para o outro. É um trabalho muito duro. O trabalho não nasce feito. Tens de o fazer para aparecer.

          Responde a tudo, seja no Blog como nas Redes Sociais com carinho e amor.

          E o que é ser Blogger?, perguntarão vocês. É uma marca e deves-te comportar como tal.

          Sente-te à-vontade com o teu trabalho. Este ponto junta-se com outro que é seres tu própria. É fundamental. “Mas eu própria dou erros gramaticais.”. Dás, porque queres. Podes mudar isso se quiseres ser Blogger. Se não quiseres, passa à frente.

          Usa imagens que não são do Google, devido ao Artigo 13. Usa fotografias tiradas por ti ou do Pixabay. Foi um banco de imagens gratuito que a minha Professora de Informática me mostrou. Muito útil.

          Pronta para pores as mãos à obra? Força!

Beijokitaz

24
Fev21

O VEGANISMO E O VEGETARIANISMO || PREVENÇÃO


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Água, respingos de água, alta velocidade, páprica, vegetais

 

É uma questão interessante, a meu ver. No sentido que dizem que somos o que comemos. Um corpo são dá resultado a uma mente sã. Temos dúvidas à cerca desse ponto? Espero que não. Se alinhamos ao exercício físico, ajuda-nos a ordenar a nossa mente. Mais a leitura, a escrita e as boas companhias. Tudo de bom nesta vida.

          Como devem saber, o ser humano não é o único animal propicio a cancro. Muita carne do talho é embelezada para se vender o mais rápido possível e ninguém notar aquilo que está a comprar. Foi o caso da carne podre recheada de cartão. Foi a primeira empresa a ter essa ideia? Não acredito nisso. A Sociedade é bastante gananciosa. Caso contrário, ninguém venderia leite de vaca que só faz bem ao bolso de quem vende. Quem esteve atento na Escola sabe que o melhor leite é o materno e contra factos não há nenhum argumento.

          A Sociedade está tão queimada que quase ninguém olha a meios para encher os bolsos de forma “fácil”. Metem na cabeça das pessoas coisas surreais como “Deves beber leite de vaca e comer muita carne para seres forte.”. Não, simplesmente, é algo que a Sociedade nos habitua desde tenra idade.

          Está mais do que provado que ter uma dieta mais Vegan torna a nossa mente e o nosso corpo mais são. Disto é sinónimo o bem-estar psicológico. Consequentemente, se o nosso corpo e a nossa mente tiverem sãos, há menos hipóteses da pessoa pensar em suicídio.

          Há muitas coisas que fazem afastar os pensamentos maus. A alimentação é uma delas. Como sabem, a carne vermelha faz muito mal ao sistema nervoso, o que não nos deixa ter uma mente muito clara, mais confusa.

          Queiramos, quer não, nós somos o que comemos. Não há nada que nós possamos fazer contra isso. Sim, o nosso estilo de alimentação torna-nos mais felizes, mesmo as mentes mais baralhadas.

          Segundo Miguel Sousa Tavares, os Veganos são urbano-depressivos e só comem alface. Nada de mais errado, embora a alface tenha bastante cálcio, logo por ai, não tem nada de mal. Nada de mais errado ao chamarem-lhes de depressivos. Gosto imenso do trabalho dele, mas isso não faz com que concorde com tudo que diz. Tenho os meus próprios pensamentos. Temos de ter cuidado com as fontes que nos alimentam. A industria está desesperada para provar que o leite de vaca cheio de sangue e pus faz bem à saúde humana. Porquê? Porque gera receitas. Sim, sangue e pus, se pensar bem faz sentido, as tetas são completamente sugadas, não poderia ser de outra maneira.

          Mas eu que não tenho pensamentos suicidas posso beber leite de vaca e comer carne? A escolha é tua. É melhor uma má escolha consciente do que inconsciente. Sabendo os riscos que corres, podes comer e beber o que quiseres.

          Mas se eu começar agora a ser Vegetariano ou até mesmo Vegan os meus pensamentos suicidas acabam dum momento para o outro? Nada é instantâneo. Não uma formula mágica para nada. Tudo leva o seu tempo, o seu ritmo. Junto com os factores que eu falei antes da leitura, escrita, uma boa companhia, sim, ajuda e muito. Muito mesmo.

          Ser feliz depende de nós e de muitos factores, todos o sabemos, mas se podemos fazer coisas que aos poucos nos ajudam é bastante benéfico.

          Devemos alimentar bem a nossa barriguinha. Parece estranho, mas ajuda imenso. Tudo a longo prazo pode-nos ajudar. Devemos ordenar bem os nossos pensamentos e um prato colorido cheio de fruta e legumes alegra bastante. Eu costumo dizer que me alimento para me acalmar. É brincadeira, mas tem um fundo de verdade.

          E desse lado, concorda comigo ou discorda de mim?

Beijokitaz

23
Fev21

O BLOG PERFEITO || MISS L


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Aluno, Notebook, Feminino, Estudo, Tipo, Escrita, Autor

 

Será que existe o Blog perfeito ou é só uma utopia? Cada um tem a sua definição de perfeição. Para uns é uma espécie de Johnny Depp. Para outros, talvez, Jessica Alba e por ai vai. Como seria o Blog perfeito na categoria de lifestyle? É a categoria que eu e a Francisca trabalhamos, dai eu ir-me focar exclusivamente nessa.

A meu ver, deve ter, no mínimo, oito mil visualizações por dia. A quantos mais corações chegarmos, melhor.

Deve ter fotografias duma vida de trabalho agitada, pois ser Blogger, não é das profissões mais simples e, sinceramente, acho que nunca o será.

Deve ter sorrisos poderosos e inspiradores de quem gosta verdadeiramente do que faz. Caso contrário, mais valia estar a aproveitar esse tempo para dormir. Acreditem em mim.

Mostrar em tudo cem por cento realismo. Sem qualquer tipo de glamour extra. Simplesmente, a verde nua e crua deste full-time exclusivo.

Tem layout clean é essencial.

Não podem falta livros, livros, livros, livros e livros; filmes, filmes, filmes, filmes, filmes, filmes e filmes e comida, comida, comida, comida, comida, comida e comida.

Sem esquecer as Redes Sociais realistas e sempre actualizadas.

Um Blog de Lifestyle não poderia ser mais perfeito do que isto, a meu ver. Seria demasiado perfeito, até...

Beijokitaz

22
Fev21

MARCA BRANCA || CUIDADOS DE CABELO


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Nenhuma descrição disponível.

 

No final de Novembro, eu dei a minha opinião sobre marcas brancas. Recentemente a minha opinião mudou. Decidi experimentar a marca Be Beauty Care do Pingo Doce. Comprei o desodorizante, a máscara de cabelo, a laca e a mousse. Simplesmente adorei. Nunca pensei que isso acontecesse alguma vez. 

A máscara hidrata imenso. Foi o produto que mais gostei. Fiquei tentada em experimentar a linha completa com o sérum, o champoo e o condicionador. Sinto que o meu cabelo está mais solto, inclusivamente. Estou a adorar imenso esta experiência.

Devido a este sucesso, estou a pensar em usar também a linha My Label do Continente. Novas experiência são boas na nossa vida. 

Se fosse há um ano atrás diria que tal coisa seria impossível. Porém, eu mordi a minha própria língua tal como o sushi. Antes de provar, dizia que não gostava, porque era peixe cru. Actualmente, como sabem, é um das minhas comidas favoritas. 

Esta experiência foi para mostrar conteúdo para vocês. Pensei "Porque não?". Não fui com qualquer tipo de expectativa. Aliás, como escrevi no outro artigo, eu só não usava marca branca no cabelo e no corpo. 

- Cabelo: O meu cabelo é muito seco e com ares de Medusa. 

-Pele: A minha pele é seca e atópica. Precisa de outros cuidados.

Acho que o meu ar de Medusa adorou e não foi pouco. Enquanto não se habituar, mas como também vou experimentar o My Label, penso que não há problema. Vou usar o My Label com bastante expectativa. Também vou usar o Cien do Lidl. Estas novas experiências vão ser muito be-vindas.

Beijokitaz

 

 

 

20
Fev21

O SER HUMANO || ASSASSINO EM SÉRIE


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Converse, Tênis, Sapato, Ao ar livre, Conversky, Sol

 

O boato mata! Sim, é verdade e ninguém o pode negar, o boato mata
mesmo. Tanto isso é verdade como a existência da frase “Eu não tive culpa, eu
só comentei.”. Se o boato não matasse, esta frase também não existiria. Seria
bom nunca mais ouvir esta frase. Era sinal que já não haveriam boatos por ai.
Esse necessidade de falar da vida dos outros existente na mentalidade de
aldeia é muito ruim. E eles animam-se mais quando inventam. Sentem-se
melhores, sentem que incomodam ainda mais.
O boato é um acto bem banalizado como urinar no mar. Algo banalizado não
quer dizer que seja normal.
Quantas pessoas já se suicidaram por causa dum boato inútil? Sim, todos os
boatos são inúteis. O boato já matou muita gente e continuará a matar se não for
travado. Fechar a boca sobre a vida alheia e não matar. Não matar por dentro
e/ou por fora. O boato mata. O boato mata. O boato mata!
Ninguém envolvido no boato (sem ser o alvo, claro) se importa com a
veracidade dos seus boatos. Na cabeça delas, o veneno tem de alastrar. Para
eles é normalíssimo. Para eles não há consequências. Terão sempre a desculpa
da frase “Eu não tive culpa, eu só comentei.”. Como o assassino de Joana, a
menina de Portimão, que afirmou “Eu não lhe fiz mal, só a matei.”. Como no livro
Gone Girl (Garota Exemplar ou Em parte incerta), o traidor disse “Eu nunca lhe
fiz mal.”. Claro que é verdade, matar e trair é fazer muito bem. Eu chego ao final
do dia muito triste, porque ninguém me matou, nem me traiu. É deveras muito
triste.
Ironias à parte, este actos são tão banalizados que nunca há consequências!
Porque estas pessoas nunca falam, nem inventam sobre a própria vida, porque
não têm!
O boato é um grande assassino e quem dá origem ao boato é, nada mais
nada menos, que o ser humano (que deveria ser humano). Sim, o ser humano é
um assassino em série. Pior, um assassino em série que não paga pelos seus
actos! “Suicidou-se? Que pena! Não tive culpa, só comentei e, ao que parece é
mesmo verdade, senão não se mataria, não é mesmo? (ri-se)”. Eles acham
piada a todos os processos do seu boato.
Falando novamente de Gone Girl (Se não leram e/ou não viram o filme, façam-
no!), a Esposa Traída inventou vários boatos, aproveitou que o Marido estava a
dormir para colocar as impressões digitais nele em objectos recriminatório. E o
que fazer quando alguém nos faz isso enquanto dormimos? Eu não sei. Pode
não ser culpado, mas há provas e contra provas não há argumentos. E a Esposa
Traidora teve alguma consequência pelos seus boatos e por inventar provas?!
NÃO!
Essas pessoas nunca levam com as consequências. Só as vitimas que matam
sem qualquer problema. Super banal. Na cabeça de quem cria boatos (dito
assim parece uma profissão) todo o seu veneno é verdade. Eu acho, pelo
menos, transmitem que acreditam em tudo o que falam. Eles são felizes assim e
sem os boatos sentem-se incompletos, talvez...
Parem de matar! Parem de falar da vida alheia! Parem de falar boatos!

Beijokitaz

19
Fev21

SEM IDEIAS || BLOQUEIO CRIATIVO


Miss L

Ola Nossos Devanienses!

 

Youtuber, Blogger, Roteirista, Desesperado, Não Inspirado

 

Quem nunca teve um bloqueio criativo? Todos nós! Faço várias coisas para me livrar disso até batota. Sim, batota. Ás vezes a falta de tempo obriga. O que são batotas? Escrever textos pessoais e ver um filme. O filme dá-me logo direito a dois artigos. Expectativa e resenha. Mas faço sempre isto quando não tenho ideias? Não, por vezes, tenho mesmo ideias para organizar ou um filme que gostaria mesmo de ver.

          Quando não é preciso batota, tenho alguns auxílios:

  • Ver vídeos no Youtube;
  • Ouvir música;
  • Tomar banho (Sim, tenho muitas ideias no banho);
  • Visitar uma Amiga;
  • Passear;
  • Ler (Se acabar o livro, posso fazer a respectiva resenha);
  • Escrever para uma Amiga;
  • Ir ao Instagram para o colocar em dia;
  • Pesquisar um novo filme para ver;
  • Comentar outros Blogs.

Tudo isto são modos de acabar com esse bichinho do bloqueio. As minhas armas, claro. Comentar outros Blogs é muito bom, pois cria interacção. Evita Blogs muito grande, pois normalmente não tens muito feedback.

          Podes sempre tirar ideias doutros Blogs, vídeos do Youtube ou até no Instagram e escreveres “Inspirei-me nisto” e colocas o link. A outra pessoa fica contente e com publicidade e tu ficas com um artigo novinho em folha.

          Dá credito e vais ter muitos frutos em troca.

Beijokitaz

18
Fev21

A IMPORTÂNCIA DA LEGENDA || INSTAGRAM


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Instagram, mídia social, ícone, distrito, estrutura

 

Será que a legenda no Instagram tem assim tanta importância? É só uma legenda! Acreditem, tem! Ajuda ao engajamento que toda a gente que trabalha com redes sociais quer e até quem não trabalha tem esse gosto. É mais uma forma de atrair a atenção do público, do nosso nicho, e corremos o risco de sermos partilhados. Não é top?

          Mas afinal, o que não devemos colocar? Uma legenda vazia, ou seja, simplesmente colocar a fotografia e exclusivamente emojis. Por exemplo, colocas a fotografia duma palmeira e como legenda pões um emoji da mesma. O que tem de especial?

          “Okay, Miss L, o que eu faço para ter uma boa legenda?”. Simples, tens dois pontos para seres inspiradora! Primeiramente, escreve a história da fotografia, queria interesse para o teu público, não seja só mais uma fotografia no feed deles. Faz com que se identifiquem. Outro ponto que resulta muito é mostra uma solução. Por exemplo, mostra o quanto estavas aborrecida com o aspecto da tua pele e como conseguiste, actualmente, essa pele radiosa. Não és só tu que tens esse problema. Outras pessoas procuras essa solução que tu encontraste.

          Uma maneira fácil de fazer uma legenda é responderes a estas duas perguntas:

  • Porquê que estás ali?
  • O que te fez sentir o momento e a fotografia?

Faz sorrir alguém com o teu texto. É para isso que ele serve. Bomba no Instagram. Bomba mais do que ontem e menos do que amanhã. É um trabalho continuo. Não simplesmente chegares e o teu público pensar “Olha, esta pareceu!”. Não, torna-te especial para o teu público!

Beijokitaz

17
Fev21

VAMOS PARTILHAR UM LIVRO || TEXTO PESSOAL


Miss L

Olá Nossos Devanienses!

 

Rosa, Livro, Livro Antigo, Flor, Flor, Rosenblatt, Usado

 

-Ela morreu! - anuncia ele. - Eu sabia.

-Quem?! - questiono eu, espantada.

Ele abraça o livro que tem na mão com ternura e repete com amor “ eu sabia”. Ele está a falar do livro. Atiro-lhe a almofada por me ter assustado. Ele senta-se a meu lado.

-Não pode ser ele a mata-la. Ele só começou a pensar nisso agora. Só agora ele revelou que ela o irritava a esse ponto. Caso contrário, está mal construido. Tens de ler. - sorri.

-Assustaste-me. - fiz um ar triste.

-Eu dou-te quando acabar de ler.

Eu sorri. Ele sabe que detesto livros emprestados. Adoro sublinhar os livros com tanto amor. A caneta. Sim, a caneta.

Ele coloca o livro no meu colo e anuncia que eu vou adorar.

Pego nele. É em tons de azul. “Eu estava farto”. “Tudo aconteceu e eu não tive qualquer tipo de controlo.”.

Viro-o para analisar a sinopse. Não tem. Procurei e não encontrei. Ele ri-se a anuncia o óbvio, não tem.

Ele prepara-se para sai da sala a rir-se. Anuncia que vai acabar o quanto antes.

-És um idiota. - sussurro.

-Pára de me amar tanto. - diz-me da porta.

Eu sorrio em silêncio. Vem logo aquele pensamento cliché “Não mereço esta criatura.”.

Pego no livro ao meu lado, continuo a ler “Na tatuagem da noite”.

Acabo de ler rapidamente e quando o faço sinto a faltar-me o ar. Estou a ser esganada. Debato-me. Arranho, mas não resisto à morte. O meu espírito sai. O meu corpo está sem vida. O livro ao meu lado e quem me matou pousa um embrulho ao meu lado. Tento abrir. Não consigo. Não consigo. Não consigo.

Quem me terá morto?! O que está no embrulho?! Ouço um grito. É a Irmã dele. Ela corre pelo apartamento. Chama pelo Irmão. Vou atrás dela. Ela chora. Pára à porta do quarto dele. Por segundos, a sua respiração falha. Ele está tal como eu. Morto. Chora. Chora. Chora. Liga à Polícia.

Volta à sala. Vê o embrulho e abre. Será uma pista? Era o livro que ele estava a ler...

-És um idiota... - sussurro e sorrio.

Beijokitaz

Pág. 1/3

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2021
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub